Arquivo

Posts Tagged ‘Tinto’

Reserva do Comendador 2006 (Tinto)

10/12/2010 2 comentários

Excelente! É assim que este Reserva do Comendador merece ser logo adjectivado, uma vez que o prazer de o degustar é imediato.  É um vinho com assinatura do enólogo Paulo Laureano (que dispensa apresentações) e que demonstra que aposta do Comendador Rui Nabeiro na sua Adega Mayor é uma aposta ganha.

Região: Regional Alentejano

Castas: Trincadeira, Aragonez e Alicante Bouschet

Produtor: Adega Mayor do Grupo Nabeiro

Preço: Entre 15€ a 20€.

Álcool: 14,5%

Rótulo: Este Reserva esboçou-se a partir de uma cuidadosa selecção de uvas das castas Trincadeira, Aragonez e Alicante bouschet. Após um estagio de dezoito meses em barricas novas de carvalho francês, estagiou mais um ano em garrafa. O néctar obtido possui uma cor granada e liberta aromas intensos a ameixas, amoras silvestres e flores, harmoniosamente conjugadas com especiarias exóticas. Os taninos são redondos e na boca revela uma grande suavidade e elegância.

Notas de prova: De cor granada, no nariz apresenta um aroma intenso a frutos vermelhos e notas de especiarias. Na boca é encorpado, elegante e muito equilibrado, sendo o final prolongado e muito agradável. Qualquer pretexto é mais que suficiente para beber este vinho.. uma delicia.

Acompanha bem: Pratos de carne vermelha grelhada e queijos curados. Servir a 15-17ºC.

Data de prova: 01.12.2010

Classificação Pessoal: 17

Categorias:Vinhos Etiquetas:, ,

Vila Santa Syrah 2008 (Tinto)

07/12/2010 1 comentário

Da minha visita, no verão de 2009, à Quinta João Portugal Ramos em Estremoz ainda restava este néctar. Poderia (e devia) ter ficado mais uns tempos guardado, mas.. a tentação era grande e qualquer pretexto é bom.

Região: Regional Alentejano

Castas: Syrah.

Produtor: João Portugal Ramos

Preço: Entre 9€ a 12€.

Álcool: 14,5%

Rótulo: A concentração deste vinho é devida ao excelente estado de maturação das uvas da casta Syrah. Para melhor evidenciar as características da casta e a complexidade do vinho, foi estagiado em meias pipas novas de carvalho.

Notas de prova: Aroma rico, onde se destacam as especiarias. Na boca é envolvente e encorpado, sendo o final persistente e rico. Um prazer este vinho.

Acompanha bem: Pratos de carne vermelha grelhada e queijos. Servir a 16-18ºC.

Data de prova: 14.11.2010

Classificação Pessoal: 16

Categorias:Vinhos Etiquetas:, ,

Contraste 2007 (Tinto)

20/11/2010 1 comentário

Um amigo de longa data, uma conversa, um vinho de oferta, e que bela oferta! Um vinho muito agradável que demonstrou ser uma boa companhia.

Região: Douro DOC

Castas: Tinta Roriz, Touriga Nacional, Tinta Barroca e outras da região.

Produtor: Vitivinícula Carta Ferreira

Preço: Entre 5€ a 7€.

Álcool: 13,5%

Rótulo: No que ao vinho de consumo diz respeito, o vale do Douro é uma história por escrever. Muitas das diferenças e “terroirs” que encerra são ignorados. Contribuir para o seu conhecimento e matriz, é o nosso objectivo. Adicionando à autenticidade da região uma elegância e frescura particulares.

Notas de prova: De cor rubi opaco, no nariz apresenta um aroma rico. Na boca é suave e fresco, sendo o final agradável e prolongado.

Acompanha bem: Pratos de carne vermelha grelhada e queijos. Servir a 16-18ºC.

Data de prova: 09.10.2010

Classificação Pessoal: 15

Categorias:Vinhos Etiquetas:, ,

Terras do Pó Reserva 2006 (Tinto)

A Casa Ermelinda Freitas já me habitou a bons vinhos e este não é uma excepção, a casta Castelão apresenta-se em todo o seu esplendor.

Região: Regional Terras do Sado

Castas: Castelão “Periquita”.

Produtor: Casa Ermelinda Freitas

Preço: Entre 5€ a 7€.

Álcool: 14%

Rótulo: A Casa Ermelinda Freitas decidiu criar este vinho Reserva, para dar oportunidade aos admiradores desta marca de poderem apreciar uma Castelão mais evoluido, das vinhas de Fernando Pó, que estagiou 8 meses em meias-pipas de caravalho Francês e 12 meses em garrafa.

Notas de prova: De cor rubi, no nariz apresenta um aroma atraente a frutos vermelhos e uns toque de caramelo e baunilha. Na boca é suave e redondo, sendo o final persistente.

Acompanha bem: Pratos de carne vermelha e queijos. Servir a 18ºC.

Data de prova: 25.09.2010

Classificação Pessoal: 15,5

Categorias:Vinhos Etiquetas:,

Quinta da Garrida 2007 (Tinto)

A visita ao Aliança Underground Museum também permitiu guarnecer a minha “garrafeira”, sendo este, o Quinta da Garrida 2007, um dos eleitos. Apesar de não ser um adepto entusiasta do Dão, há alguns vinhos que se encarregam de me fazer pensar 2 vezes, sendo este um deles.

Região: Dão DOC

Castas: Tinta Roriz e Touriga Nacional.

Produtor: Aliança Vinhos de Portugal

Preço: Entre 4€ a 6€.

Álcool: 14%

Rótulo: Produzido na Quinta da Garrida, em Vila Nova de Tazém, a partir de uvas seleccionadas das castas Tinta Roriz e Touriga Nacional. O estágio de cerca de 12 meses em barricas de carvalho francês e americano permitiu obter este vinho harmonioso com carácter e persistência agradável.

Notas de prova: De cor rubi intensa, aroma intenso a frutos vermelhos . Na boca é muito rico com excelentes taninos, sendo o final agradável. Capacidade para crescer ainda mais em garrafa.

Acompanha bem: Pratos de carne tradicionais portugueses. Servir a 16-18ºC.

Data de prova: 17.10.2010

Classificação Pessoal: 16

Categorias:Vinhos Etiquetas:, ,

São Domingos Garrafeira 2005 (Tinto)

24/10/2010 1 comentário

Na sequência da visita que efectuei às Caves São Domingos em Anadia, acabei por adquirir, por sugestão de Alexandrino Amorim, este São Domingos Garrafeira 2005 e em boa hora o fiz! Este vinho medalhado de ouro no concurso de vinhos da Bairrada de 2009, provou ser um vinho de excelente qualidade  e “guloso”.Lamento é o facto de apenas ter trazido 2 garrafas…

Região: Bairrada DOC

Castas: Baga, Tinta Roriz e Cabernet Sauvignon.

Produtor: Caves do Solar de São Domingos

Preço: Entre 5€ a 7€.

Álcool: 13,5%

Rótulo: Vinhas acompanhadas ao longo do ano e vindima feita no momento de maturação ideal permitiram que as uvas Baga, Tinta Roriz e Cabernet Sauvignon chegassem à adega em excelentes condições. Estagiou 6 meses em barricas de carvalho francês.

Notas de prova: De cor rubi opaco, no nariz apresenta um aroma a frutos vermelhos e um leve toque de especiarias. Na boca é suave e redondo, sendo o final agradável e frutado. Vinho “guloso”..

Acompanha bem: Pratos de carne vermelha grelhada e queijos. Servir a 16-18ºC.

Data de prova: 11.09.2010

Classificação Pessoal: 16

Categorias:Vinhos Etiquetas:, ,

Casa da Palmeira Reserva 2004 (Tinto)

19/09/2010 1 comentário

Vinho do enólogo Álvaro van Zeiler e vencedor de uma medalha de ouro em 2009 no concurso mundial de Bruxelas. Este vinho convém ser aberto com alguma antecedência antes de provar, de forma  a poder apreciar todo o seu esplendor. Pode ter tendência a criar depósito.

Região: Douro DOC

Castas: Tinta Roriz, Touriga Franca e Touriga Nacional.

Produtor: Quinta de Vila Maior – Casa da Palmeira

Preço: Entre 4€ a 8€.

Álcool: 13,5%

Rótulo: Produzido na Quinta de Vila Maior situada na Foz do Rio Sabor, coração do Douro superior, a partir das castas Tinta Roriz, Touriga Franca e Touriga Nacional. As uvas são vindimadas em caixas de 20kg e, criteriosamente seleccionadas em tapete. O mosto é submetido a uma maceração pré fermentativa a baixa temperatura nos tradicionais lagares de granito do Douro e a fermentação decorre em cubas de aço inoxidável sob temperatura controlada, 20% do lote foi submetido a um estágio em barricas novas de carvalho Freancês e Americano de 2º e 3º Ano durante 23 meses seguindo-se um estágio em cuba de inox até ao engarrafamento em Junho de 2007.

Notas de prova: De cor rubi muito acentuada, no nariz apresenta um aroma a frutos vermelhos. Na boca é equilibrado, com taninos marcadamente presentes mas polidos. Final agradável.

Acompanha bem: Bacalhau e peixes gordos assados, pratos de carne vermelha e queijo. Servir a 20-22ºC.

Data de prova: 11.09.2010

Classificação Pessoal: 14,5

Categorias:Vinhos Etiquetas:, ,