Arquivo

Posts Tagged ‘Branco’

Bétula 2011 (Branco)

betula 2011Este Bétula esta cada vez melhor e melhor. Um vinho de alto perfil, num preço convidativo. Este de 2011 é o melhor até ao momento.

Região: Douro

Castas: Viognier e Sauvignon Blanc

Produtor: Quinta do Torgal

Preço: 12 – 15€

Álcool: 13%

Rótulo: Produzido no lugar do Torgal, no coração da freguesia de Barrô e na margem esquerda do rio Douro, o Bétula Branco é feito a partir das castas Viogner (50%) fermentando em barricas de carvalho francês e Sauvignon (50%) fermentado em inox a baixa temperatura. A vinificação foi efetuada na 1ª semana de Setembro.

Notas de prova: Cor citrina limpida, no nariz é elegante com aromas a frutas tropicais e notas minerais, na boca é  intenso, com mais notas minerais e boa acidez. Final longo e fresco.

Acompanha bem: Entradas, pratos de peixes gordos e carnes brancas. Servir a 12ºC.

Data de prova: 20.10.2012

Classificação Pessoal: 17

Uma palavra de agradecimento à Catarina Montenegro Santos da Quinta do Torgal pelo interesse demonstrado em divulgar os seus vinhos no Blog Sabores e Paladares.

Categorias:Vinhos Etiquetas:, ,

Monte das Servas Escolha 2010 (Branco)

A Herdade das Servas tem estado em grande com os seus vinhos, tendo há cerca de 2 semanas no concurso mundial de Bruxelas  2012, ganho 2 medalhas de ouro com os vinhos “Herdade das Servas Touriga Nacional 2008” e “Monte das Servas Colheita Seleccionada Tinto 2009”. Este vinho aqui trago, não é medalha de ouro, mas sem dúvida é um digno representante dos vinhos da Herdade.

Região: Alentejo

Castas: Roupeiro, Antão Vaz, Verdelho e Arinto

Produtor: Herdade das Servas

Preço: 4,5 – 7€

Álcool: 14%

Rótulo: Criado em propriedade particular, Herdade das Servas em Estremoz, este vinho produzido com base nas castas Roupeiro, Verdelho, Antão Vaz e Arinto, com base nas melhores técnicas de vinificação.

Notas de prova: Cor citrina, no nariz é elegante com aromas a  frutos tropicais, na boca é fresco, frutado e com uma agradável acidez. Final fresco e persistente.

Acompanha bem: Saladas e peixes grelhados. Servir a 12-14ºC.

Data de prova: 28.04.2012

Classificação Pessoal: 16

Categorias:Vinhos Etiquetas:, ,

Bétula 2010 (Branco)

Nova edição do Bétula, que vem mostrar que o caminho tem estado a ser bem trilhado. Este vinho da Quinta do Torgal continua a evidenciar toda a elegância e frescura da edição de 2009.

Região: Douro

Castas: Viognier e Sauvignon Blanc

Produtor: Quinta do Torgal

Preço: 12 – 15€

Álcool: 12,5%

Rótulo: Produzido no lugar do Torgal, no coração da freguesia de Barrô e na margem esquerda do rio Douro, o Bétula Branco é feito a partir das castas Viogner (50%) fermentando em barricas de carvalho francês e Sauvignon (50%) fermentado em inox a baixa temperatura. A vinificação foi efetuada na 3ª semana de Setembro.

Notas de prova: Cor citrina, no nariz é elegante com aromas a vegetais e notas minerais, na boca é  intenso, com mais notas minerais e boa acidez. Final longo. Mais uma vez que se comprova que este vinho e esta combinação de castas é uma aposta ganha.

Acompanha bem: Entradas, pratos de peixes gordos e carnes brancas. Servir a 12ºC.

Data de prova: 18.02.2012

Classificação Pessoal: 15.5

Uma palavra de agradecimento à Catarina Montenegro Santos da Quinta do Torgal pelo interesse demonstrado em divulgar os seus vinhos no Blog Sabores e Paladares.

Categorias:Vinhos Etiquetas:, ,

Bétula 2009 (Branco)

Este vinho, desconhecido até ao momento para mim, vem da Quinta do Torgal, freguesia de Barrô, na fronteira entre o Douro e a região dos vinhos Verdes. Este vinho e o seu produtor passaram agora a estar no meu radar e ficarei atentamente à espera de novidades. Em média são produzidas 3.000 garrafas/ano.

Uma palavra de agradecimento à Catarina Montenegro Santos da Quinta do Torgal pelo interesse demonstrado em divulgar os seus vinhos no Blog Sabores e Paladares.

Região: Douro

Castas: Viognier e Sauvignon

Produtor: Quinta do Torgal

Preço: 12 – 15€

Álcool: 13,5%

Rótulo: Produzido no lugar do Torgal, no coração da freguesia de Barrô e na margem esquerda do rio Douro, o Bétula Branco é feito a partir das castas Viogner (50%) fermentando em barricas de carvalho francês e Sauvignon (50%) fermentado em inox a baixa temperatura. A vinificação foi efetuada na 3ª semana de Setembro.

Notas de prova: Cor citrina límpida, no nariz é elegante com aromas a vegetais, frutos tropicais e notas minerais, na boca é refrescante, intenso, com mais notas minerais e com a acidez no ponto certo. Final fresco e persistente. A combinação arrojada destas duas castas demonstrou ser uma aposta ganha, pois este branco é uma delicia para os sentidos.

Acompanha bem: Entradas, pratos de peixes gordos e carnes brancas. Servir a 12ºC.

Data de prova: 15.05.2011

Classificação Pessoal: 16.5

Categorias:Vinhos Etiquetas:, ,

Volúpia 2009 (Branco)

29/10/2010 2 comentários

Ainda sequência da visita que efectuei às Caves São Domingos em Anadia, adquiri também este Volúpia 2009, sendo que já anteriormente tinha provado o seu antecessor de 2008.

Região: Bairrada DOC

Castas: Sauvignon Blanc, Chardonnay e Maria Gomes.

Produtor: Caves do Solar de São Domingos

Preço: Entre 3€ a 5€.

Álcool: 13%

Rótulo: As castas Sauvignon Blanc, Chardonnay e Maria Gomes deram a este vinho um carácter sensual e delicioso. O estágio em depósito de aço mostra um vinho moderno e elegante, bastante rico a nível aromático, oferecendo grande prazer acompanhado de frutos do mar, com carnes brancas ou simplesmente em gozo de uma esplanada cheia de luz e de sol.

Notas de prova: Esta versão de 2009 é um pouco mais pobre comparativamente com a versão de 2008, não obstante continua a ser uma boa companhia. Aroma rico com sugestões de pêssego, na boca apresenta uma acidez refrescante e elegante.

Acompanha bem: peixes grelhados e carnes brancas. Servir a 8-10ºC.

Data de prova: 18.09.2010

Classificação Pessoal: 13,5

Categorias:Vinhos Etiquetas:, ,

Sarmentinho (Branco Adamado)

O Sarmentinho é uma excelente companhia nos petiscos de verão pela sua frescura tanto no aroma como no paladar. Ah… e para acompanhar o o leitão da Mealhada é um bela escolha também.

Região: Bairrada

Castas: Chardonnay e Moscatel.

Produtor: Casa de Sarmento

Preço: Entre 6€ a 9€.

Álcool: 12%

 

Rótulo: Vinho frisante gaseificado, produzido e engarrafado por casa de sarmento, Mealhada.

Notas de prova: De cor cítrica e tons dourados, no nariz é intenso, fresco e cítrico, com aromas florais. Na boca é levemente adocicado mas bem equilibrado por uma ligeira acidez. Final longo e refrescante.

Acompanha bem: Petiscos, pratos de peixe, carnes grelhadas e leitão. Servir a 8-10ºC.

Data de prova: 18.08.2010

Classificação Pessoal: 15,5

Categorias:Vinhos Etiquetas:, ,

Couteiro-Mor 2008 (Branco)

23/03/2010 1 comentário

O selo “Boa Compra” da Revista dos Vinhos não é despropositado, de facto fiquei muito agradado com a frescura e vivacidade deste vinho. Por 2,5 € é um excelente vinho. Fica aqui a sugestão.

Região: Regional Alentejano

Castas: Antão Vaz, Chardonnay, Roupeiro e Arinto

Produtor: Herdade do Menir

Preço: Entre: 2€ a 3€.

Álcool: 12,5%

Rótulo: As castas seleccionadas para criar este vinho foram o Antão Vaz, o Chardonnay, o Roupeiro e o Arinto. Receber da Revista de Vinhos o prémio “melhor Compra” consecutivamente desde 2001 reflecte bem a nossa aposta nos vinhos de excelente relação qualidade/preço.

Notas de prova:  Cor cítrica, notas de frutos tropicais, sabor fresco, suave e muito agradável.

Acompanha bem: Peixe, Marisco e Saladas. Servir a 10-12º.

Data de prova: 21.03.2010

Classificação Pessoal: 14

Categorias:Vinhos Etiquetas:, ,

Herdade da Figueirinha Reserva 2008 (Branco)

10/03/2010 4 comentários

Já conhecia o Herdade da Figueirinha na sua versão Tinto há algum tempo, sendo que o considero um excelente vinho em termos de qualidade / preço  (oportunamente criarei um post sobre o mesmo). Este vinho que detalho abaixo, demonstrou ser muito agradável e versátil e não desiludiu.  Este produtor de Beja, nos últimos anos tem estado muito activo, com novas aproximações ao mercado, novas inovações e com novos produtos, entre estes o Azeite. Por gentileza da sua representação no Encontro com o Vinho e Sabores 2009, tenho em casa uma garrafa desse azeite para apreciar em breve.

Região: Regional Alentejano

Castas: Roupeiro e Antão Vaz

Produtor: Monte Novo e Figueirinha

Preço: Entre: 2€ a 4€.

Álcool: 12,5%

Rótulo: O Figueirinha Reserva 2008 é um vinho Regional Alentejano produzido a partir das castas Roupeiro e Antão Vaz. Apresenta cor amarelo citrino, aroma a frutos tropicais de sabor leve e fresco. Enólogos: António Saramago e Ana Clemente.

Notas de prova:  Cor citrina, notas de frutos tropicais, sabor fresco, com uma acidez muito agradável, o final é curto.

Acompanha bem: Peixe e Marisco. Servir a 11-12º.

Data de prova: 06.03.2010

Classificação Pessoal: 14

Categorias:Vinhos Etiquetas:, ,

Quinta do Alqueve Chardonnay 2007 (Branco)

quinta do alqueve

Este vinho foi uma bela surpresa, o qual me foi dado a provar na feira de vinhos do El Corte Inglês. Não conhecia o produtor, pois também o seu focus é o mercado internacional, mas nota-se uma enorme preocupação com a qualidade. A seguir.

Região: Regional Ribatejano

Castas: Chardonnay

Produtor: Sociedade Agrícola Pinhal da Torre

Preço: Entre 6€ a 8€.

Álcool: 14%

Notas de Prova: Cor amarelo e verde. Aromas florais e cítricos. Sabor fresco, seco e algo persistente.

Acompanha bem: carnes de aves, peixes.

Data de prova: 26.09.2009

Classificação Pessoal: 16,5

Categorias:Vinhos Etiquetas:, ,

3 Vinhos Brancos

Na passada semana, durante um repasto de peixe grelhado (sardinha, carapau e salmão) junto com um grupo de amigos, foram experimentados 3 vinhos brancos, sobre os quais tento deixar abaixo a minha opinião de simples apreciador.

Planalto Reserva 2008

planalto2008

Região: DOC Douro

Castas: Malvasia Fina, Viosinho, Gouveio, Códega

Produtor: Sogrape Vinhos

Preço: Entre 4€ a 7€.

Álcool: 12,5%

Notas de Prova: Apresenta-se como um vinho elegante, com uma boa estrutura e ligeira acidez. Aroma fresco e intenso. Sendo no conjunto muito harmonioso.

Classificação Pessoal: 16

Dona Ermelinda 2008

Dona_Ermelinda_br

Região: Regional Terras do Sado

Castas: 30% Fernão Pires, 30% Arinto, 20% Antão Vaz e 20% Chardonna

Produtor: Casa Ermelinda Freitas

Preço: Entre 2€ a 5€.

Álcool: 13,5 %

Notas de Prova: Este vinho foi medalha de bronze no Concurso “Challenge International du Vin”/ Bordéus 2009, pelo que estava bastante espectante, contudo dos 3, este foi o que menos me impressionou. Não quer isto dizer que desgostei, pelo contrário! O vinho apresenta um aroma muito frutado e adocicado, na boca nota-se a acidez e o álcool de uma forma equilibrada. Final persistente.

Classificação Pessoal: 14

Quinta do Pancas 2008

Quinta.de.Pancas

Região: Regional Estremadura

Castas: Arinto (40%), Chardonnay (40%) e Vital (20%)

Produtor: Companhia das Quintas

Preço: Entre 2€ a 5€.

Álcool: 13 %

Notas de Prova: A indicação estava lá: melhor qualidade/preço atribuída pelas Revista de Vinhos. De facto comprova-se, pois é um vinho com uma boa acidez, aroma muito fresco e ligeiramente frutado. Sóbrio e delicado.

Classificação Pessoal: 15

Categorias:Vinhos Etiquetas:,