Início > Pão > Bôla de Chourição e Presunto

Bôla de Chourição e Presunto

Visitei o fim de semana transacto a Feira de Gastronomia de Santarém onde acabei por petiscar várias iguarias da serra e doces variados, alguns que eu nunca tinha provado nem sequer visto. Quanto ao pão que é coisa que agora me interessa mais, fiquei de olho no Chapata da serra mas de fabrico artesanal ou quase isso. É um excelente pão achatado que serve às mil maravilhas para lhe enfiar dentro aquelas fatias de presuntos, enchidos e queijos bem conhecidos do pessoal e depois comer até arrebentar. Outro dos pães que me encheu os olhos foi a bôla, pão recheado de carne, e pensei cá para os meus botões: porque raio não faço algo assim já que é coisa que cá por casa todos adoramos?

E assim pensei, assim pus as mãos na massa, aliás na MFP e meti-a a trabalhar para mim a partir duma receita que roubei desenvergonhadamente do Pão, Bolos e Cia.

Ingredientes para a massa:
400g de farinha de trigo
100g de farinha de centeio (caso não se queira usar centeio colocar 500g de farinha de trigo)
250ml de leite
1/2dl de margarina líquida
1/2dl óleo
1 saqueta de fermento biológico seco
1 pitada de sal

Ingredientes para o recheio (valores aproximados):
200g fiambre
200g chourição
200g queijo fatiado dos Açores (adoro este queijo)
200g presunto fatiado

Preparação:
Líquidos primeiro, farinhas depois na cuba, programa amassar e deixar acabar. Quando acabar, retira-se a massa e estende-se sobre uma superfície lisa e polvilhada de farinha. Divide-se em três pedaços rectangulares e sobre o primeiro coloca-se metade dos ingredientes do recheio, segunda camada de massa por cima e aperta-se com os dedos as bordas de modo a colar com as bordas da camada de baixo. O resto do recheio sobre a segunda camada e coloca-se por cima a terceira camada de massa, unindo-a às massas de baixo pelo mesmo processo. Coloquei o forno a 50º e deixei lá a bôla cerca de 1/2 hora a crescer, subindo depois a temperatura para 160/180º para ir cozendo a bôla devagar.
Ao fim de 40 minutos e evitando que a água da boca caia para o chão, retira-se a bôla do forno e deixa-se arrefecer sobre uma base apropriada. Estoicamente de seguida, aguenta-se o desejo de come-la toda e aguarda-se que arrefeça.
Eis o resultado da minha primeira bôla:

Bôla de Chourição

Bôla de Chourição

Só não vos conto como a côdea estava espectacular e o recheio sublime, para não vos dar uma coisinha má!
Mas são servidos?

Categorias:Pão Tags: , ,
  1. tina
    03/11/2009 às 19:35

    já estou a salivar!
    isto não se faz!
    Obrigada pela partilha.

  2. 03/11/2009 às 19:45

    Acabei de limpar mais um quadrado dela, realmente ficou excelente e com capacidade de deixar muita gente a salivar… 🙂

    Cumps

  3. 04/11/2009 às 20:37

    Ai que fome! Essa Bôla ficou fantástica, dá mesmo vontade de comer.

  4. 04/11/2009 às 21:06

    Lamento mas esta bôla já era…. Os comilões cá da casa já a comeram toda! 🙂

    Cumps
    RedTuxer

  5. 11/11/2009 às 19:00

    Pahhh, já fui ter ao blog das biclas com gajas nuas, anões e cavalos he he
    Afinal, aqui é que é a cozinha!
    Adoro bôlas🙂

  6. 11/11/2009 às 20:59

    Tenho blogues muito variados, desde Linux até culinária, passando pelas bikes e pelas gajas nuas 🙂
    Espero que tenhas gostado, da bôla e dos blogues🙂

    Cumps
    RedTuxer

  1. No trackbacks yet.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: